yara__miranda yara__miranda

140 publicações   464 seguidores   89 seguindo

Yara Miranda 

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,42-46
Naquele tempo, disse o Senhor:
42Aí de vós, fariseus, porque pagais o dízimo da hortelã,
da arruda e de todas as outras ervas,
mas deixais de lado a justiça e o amor de Deus.
Vós deveríeis praticar isso, sem deixar de lado aquilo.
43Aí de vós, fariseus,
porque gostais do lugar de honra nas sinagogas,
e de serdes cumprimentados nas praças públicas.
44Aí de vós, porque sois como túmulos que não se vêem,
sobre os quais os homens andam sem saber.' 45Um mestre da Lei tomou a palavra e disse: 'Mestre, falando assim, insultas-nos também a nós!' 46Jesus respondeu: 'Ai de vós também, mestres da Lei,
porque colocais sobre os homens cargas insuportáveis,
e vós mesmos não tocais nessas cargas,
nem com um só dedo.
Palavra da Salvação.
REFLEXÃO
Quando vivemos pela carne nos deixamos levar pelos prazeres fúteis da vida, e acabamos nos envolvendo em contendas, inimizades, e outras coisas mundanas, que nos afastam do caminho ensinado por Cristo.
Devemos buscar a luz divina para seguir os passos do Senhor, que nos faz viver por meio do fruto do Espírito agindo com caridade, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, lealdade, mansidão e continência.
Paulo nos ensina que os que pertencem a Jesus Cristo crucificaram a carne com suas paixões e seus maus desejos, e se vivemos pelo Espírito, procedamos também segundo o Espírito, corretamente. Somente assim teremos a luz da vida.
Que não sejamos como os fariseus e mestres da lei fantasiados de falsos cristãos que proclamam com a boca os mandamentos do amor para sermos reconhecidos em nossas comunidades, mas não sabemos praticá-lo no convívio com nossos irmãos.
Que o amor e a justiça sejam a luz que leve ao caminho da salvação.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,37-41
Naquele tempo:
37Enquanto Jesus falava,
um fariseu convidou-o para jantar com ele.
Jesus entrou e pôs-se à mesa.
38O fariseu ficou admirado
ao ver que Jesus não tivesse lavado as mãos
antes da refeição.
39O Senhor disse ao fariseu: 'Vós fariseus, limpais o copo e o prato por fora,
mas o vosso interior está cheio de roubos e maldades.
40Insensatos! Aquele que fez o exterior
não fez também o interior?
41Antes, dai esmola do que vós possuís
e tudo ficará puro para vós.
Palavra da Salvação.
REFLEXÃO

O que nos justifica perante Deus é o quanto amamos e somos caridosos. O antigo testamento nos trouxe as leis, enquanto que Jesus nos deu um novo mandamento, que nos amássemos uns aos outros, assim como Ele nos amou.
Somente o amor purifica a alma, e só assim podemos limpar nosso interior. Somente possuímos aquilo que temos dentro do nosso coração e podemos levar para a eternidade.
Portanto, dar esmola do que possuímos é doar o sentimento mais sublime que nos foi dado pelo Criador, o amor, e tudo ficará puro para nós.
Paulo assim nos ensina: “Vós que procurais a vossa justificação na Lei, rompestes com Cristo, decaístes da graça. Quanto a nós, que nos deixamos conduzir pelo Espírito, é da fé que aguardamos a justificação, objeto de nossa esperança. Com efeito, em Jesus Cristo, o que vale é a fé agindo pela caridade; observar ou não a circuncisão não tem valor algum.”
Assim, confiemos nos justos julgamentos de nosso Salvador, para que desça sobre nós a vossa graça.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,29-32
Naquele tempo:
29Quando as multidões se reuniram em grande quantidade,
Jesus começou a dizer:
'Esta geração é uma geração má.
Ela busca um sinal, mas nenhum sinal lhe será dado,
a não ser o sinal de Jonas.
30Com efeito, assim como Jonas
foi um sinal para os ninivitas,
assim também será o Filho do Homem para esta geração.
31No dia do julgamento,
a rainha do Sul se levantará
juntamente com os homens desta geração,
e os condenará.
Porque ela veio de uma terra distante
para ouvir a sabedoria de Salomão.
E aqui está quem é maior do que Salomão.
32No dia do julgamento, os ninivitas
se levantarão juntamente com esta geração e a condenarão.
Porque eles se converteram
quando ouviram a pregação de Jonas.
E aqui está quem é maior do que Jonas.'
Palavra da Salvação.

REFLEXÃO

Jesus nos ensinou que é o caminho, a verdade e a vida, e que ninguém chega ao Pai a não ser por Ele. Este é o sinal que o mundo tanto busca. Ele nos indica o caminho do amor, do respeito, da tolerância e da fraternidade.
Mostrou em atos e palavras como devemos agir para sermos merecedores da misericórdia do Pai. Errar todos nós erramos, pois faz parte de nossa humanidade, mas reconhecer nossos erros é que nos santifica, e que nos faz dignos da salvação.
Não temos direito de julgar ninguém, mas devemos como verdadeiros cristãos, alertarmos um aos outros, quando estamos nos desviando do caminho de Cristo.
Neste sentido Paulo nos alerta: “irmãos, não somos filhos de uma escrava; somos filhos da mulher livre. É para a liberdade que Cristo nos libertou. Ficai pois firmes e não vos deixeis amarrar de novo ao jugo da escravidão.”

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,5-13
Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos:
5E Jesus acrescentou: 'Se um de vós tiver um amigo
e for procurá-lo à meia-noite e lhe disser: 'Amigo, empresta-me três pães,
6porque um amigo meu chegou de viagem
e nada tenho para lhe oferecer', 7e se o outro responder lá de dentro: 'Não me incomoda! Já tranquei a porta,
e meus filhos e eu já estamos deitados;
não me posso levantar para te dar os pães'; 8eu vos declaro:
mesmo que o outro não se levante
para dá-los porque é seu amigo,
vai levantar-se ao menos por causa da impertinência dele
e lhe dará quanto for necessário.
9Portanto, eu vos digo:
pedi e recebereis; procurai e encontrareis;
batei e vos será aberto.
10Pois quem pede, recebe; quem procura, encontra;
e, para quem bate, se abrirá.
11Será que algum de vós que é pai,
se o filho pedir um peixe, lhe dará uma cobra?
12Ou ainda, se pedir um ovo, lhe dará um escorpião?
13Ora, se vós que sois maus,
sabeis dar coisas boas aos vossos filhos,
quanto mais o Pai do Céu dará o Espírito Santo
aos que o pedirem! '
Palavra da Salvação.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 11,1-4
1Um dia, Jesus estava rezando num certo lugar.
Quando terminou, um de seus discípulos pediu-lhe: 'Senhor, ensina-nos a rezar,
como também João ensinou a seus discípulos.' 2Jesus respondeu: 'Quando rezardes, dizei: 'Pai, santificado seja o teu nome.
Venha o teu Reino.
3Dá-nos a cada dia o pão de que precisamos,
4e perdoa-nos os nossos pecados,
pois nós também perdoamos a todos os nossos devedores;
e não nos deixes cair em tentação'.' Palavra da Salvação.
REFLEXÃO

Para que nossas orações cheguem a Deus só a um caminho que podemos seguir: Jesus, que é a verdade e vida.
Como irmãos em Cristo, ao iniciarmos nossa oração, devemos reconhecer a grandeza e santidade de nosso Deus, clamando que se estabeleça entre nós a harmonia do princípio, com o reinado do Pai todo poderoso.
Para tanto, é necessário que seja cumprida a vontade do Pai, que é o mandamento do amor, seja na terra ou no céu.
Clamamos pelo pão que nos sustenta a cada dia, mas não somente o que entra por nossa boca, que é temporário e nos fornece a sobrevida na terra, mas principalmente o espiritual, seu Filho, o pão vivo do céu, que nos sustentará para a eternidade.
Ora, se Deus é amor e Jesus é amor, estamos pedindo que Deus nos alimente do amor verdadeiro, o amor doação, caridade e perdão.
Para tanto devemos estar puros de coração para que Jesus por meio de Santo Espírito habite em nosso meio, o que só acontecerá se arrependidos de nossas faltas perdoarmos as ofensas que também nos foram feitas, pois, a mágoa e o ressentimento nos cegam e não nos permite vivenciar a luz de Cristo.
Por fim, rogamos a Deus que nos fortifique com os dons do seu Santo Espírito , para que possamos vencer a maldade do dia a dia, não sucumbindo as tentações do maligno, dando vitória ao amor que é o combustível de nossa salvação.

Assim seja.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 10,38-42.
Naquele tempo:
38Jesus entrou num povoado,
e certa mulher, de nome Marta, recebeu-o em sua casa.
39Sua irmã, chamada Maria, sentou-se aos pés do Senhor,
e escutava a sua palavra.
40Marta, porém, estava ocupada com muitos afazeres.
Ela aproximou-se e disse:
'Senhor, não te importas que minha irmó
me deixe sozinha, com todo o serviço?
Manda que ela me venha ajudar!'
41O Senhor, porém, lhe respondeu:
'Marta, Marta! Tu te preocupas
e andas agitada por muitas coisas.
42Porém, uma só coisa é necessária.
Maria escolheu a melhor parte
e esta não lhe será tirada.'
Palavra da Salvação.

REFLEXÃO
Quando o Senhor nos chama, Ele mesmo nos prepara e capacita a missão de envio, por meio de seu Santo Espirito, conduzindo nossos passos no caminho para a vida.
Se revela a cada um de nós, assim como fez a Maria, por meio de suas palavras.
Mas, muitas vezes em nossas vidas, fazemos como Marta, preocupados com as coisas do mundo não dedicamos tempo para as coisas de Deus, e para um maior aprofundamento em seu evangelho.
No princípio era a palavra e a palavra se fez carne, deixando conosco, por meio de seu evangelho e de seu Santo Espírito, a revelação da verdade que nos levará a salvação na vida eterna.
Indicou a cada um de nós que o amor é o condutor da salvação e que acima de todas as coisas primeiramente devemos amá-lo, porque Ele é o amor em sua mais pura essência.

Yandra
Filha amada, enfim, chegou o dia que tanto esperava.
Quantas fantasias durante toda sua adolescência para a chegada deste dia.
A ideia de que a independência e a liberdade bateriam em sua porta e você poderia fazer tudo que lhe passasse a cabeça. Não contou somente com um grande aliado da vida, o tempo.
Ele passa ligeiro nos ponteiros, mas lento quanto se torna o anseio de ilusões de uma menina. Mas é completo, porque cheio de sabedoria e prudência.
Foi meu aliado nestes anos de espera permitindo que eu lhe transmitisse valores, princípios, e principalmente o que vai te levar a grandes conquistas, o amor a Deus.
Agradeço hoje a Ele por ter me dado a graça de poder cria-la em sua fé, e por ter nos permitido aprender tanto com sua pureza e sua essência.
Chegou seu 18 anos, e hoje pela lei dos homens você é maior de idade, mas para lei de Deus continua com a pureza dos pequeninos que alcançarão o céu.
Descobriu por si mesma que o tempo dos homens é contado diferentemente do tempo de Deus, e que em sua eterna sabedoria, nos capacita para a missão que nos preparou desde o ventre de nossas mães.
Eu, seu pai e seus irmãos, fomos privilegiados por Deus por podermos participar de sua história e constatar por várias vezes todos os livramentos e o cuidado especial que teve para com sua jornada.
Hoje espero que a porta da esperança que se abre a sua frente seja repleta da luz do Senhor, para que seus passos sejam dados com clareza e segurança, na certeza que nunca estará caminhando sozinha.
Não será só de flores esse novo caminho, mas basta olhar com os olhos do coração e verá que há beleza mesmo nos dias cinzentos, porque o brilho da vida está na forma com que enfrentamos nossas dificuldades.
Quem tem fé, e amor tem o primordial para começar esta caminhada.
Seja bem vinda ao mundo onde a responsabilidade pelos que plantamos, nos traz a colheita do que desejamos. Mas, não tenha medo, basta que nunca perca a pureza da criança que existe dentro de você e seja feliz.
Te amo.

Mamãe
Yara Miranda 08/10/2018

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Lucas 10,25-37
Naquele tempo:
25Um mestre da Lei se levantou
e, querendo pôr Jesus em dificuldade, perguntou:
'Mestre, que devo fazer
para receber em herança a vida eterna?'
26Jesus lhe disse: 'O que está escrito na Lei?
Como lês?'
27Ele então respondeu:
'Amarás o Senhor, teu Deus,
de todo o teu coração e com toda a tua alma,
com toda a tua força e com toda a tua inteligência;
e ao teu próximo como a ti mesmo!'
28Jesus lhe disse: 'Tu respondeste corretamente.
Faze isso e viverás.'
29Ele, porém, querendo justificar-se,
disse a Jesus: 'E quem é o meu próximo?'
30Jesus respondeu:
'Certo homem descia de Jerusalém para Jericó
e caiu nas mãos de assaltantes.
Estes arrancaram-lhe tudo, espancaram-no,
e foram-se embora deixando-o quase morto.
31Por acaso, um sacerdote
estava descendo por aquele caminho.
Quando viu o homem, seguiu adiante, pelo outro lado.
32O mesmo aconteceu com um levita:
chegou ao lugar, viu o homem
e seguiu adiante, pelo outro lado.
33Mas um samaritano que estava viajando,
chegou perto dele, viu e sentiu compaixão.
34Aproximou-se dele e fez curativos,
derramando óleo e vinho nas feridas.
Depois colocou o homem em seu próprio animal
e levou-o a uma pensão, onde cuidou dele.
35No dia seguinte, pegou duas moedas de prata
e entregou-as ao dono da pensão, recomendando:
'Toma conta dele!
Quando eu voltar,
vou pagar o que tiveres gasto a mais.'
E Jesus perguntou:
36'Na tua opinião, qual dos três foi o próximo do homem
que caiu nas mãos dos assaltantes?'
37Ele respondeu:
'Aquele que usou de misericórdia para com ele.'
Então Jesus lhe disse: 'Vai e faze a mesma coisa.'

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 10,13-16
Naquele tempo, disse Jesus:
13Ai de ti, Corazim! Aí de ti, Betsaida!
Porque se em Tiro e Sidônia
tivessem sido realizados os milagres
que foram feitos no vosso meio,
há muito tempo teriam feito penitência,
vestindo-se de cilício e sentando-se sobre cinzas.
14Pois bem: no dia do julgamento,
Tiro e Sidônia terão uma sentença menos dura do que vós.
15Ai de ti, Cafarnaum!
Serás elevada até o céu? Não, tu serás atirada no inferno.
16Quem vos escuta, a mim escuta;
e quem vos rejeita, a mim despreza;
mas quem me rejeita, rejeita aquele que me enviou.
Palavra da Salvação.
REFLEXÃO
O que sabemos nós sobre os mistérios da Criação? Nada. Nunca indicamos à aurora o seu lugar, ou sequer pousamos no fundo do mar, porque tudo pertence ao Criador. Apenas pela fé podemos clamar sabedoria e entendimento para discernir a vontade de Deus em nossas vidas.
Para tanto, necessário se faz que sejamos obedientes como seu filho Jesus, e reconheçamos os nossos pecados, para que em sua infinita misericórdia, o Pai, que é o puro amor, nos acolha e escute, e nos permita um dia desfrutar de um lugar no céu.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 10,1-12
Naquele tempo:
1O Senhor escolheu outros setenta e dois discípulos
e os enviou dois a dois, na sua frente,
a toda cidade e lugar aonde ele próprio devia ir.
2E dizia-lhes: 'A messe é grande,
mas os trabalhadores são poucos.
Por isso, pedi ao dono da messe
que mande trabalhadores para a colheita.
3Eis que vos envio como cordeiros para o meio de lobos.
4Não leveis bolsa, nem sacola, nem sandálias,
e não cumprimenteis ninguém pelo caminho!
5Em qualquer casa em que entrardes, dizei primeiro: 'A paz esteja nesta casa!' 6Se ali morar um amigo da paz,
a vossa paz repousará sobre ele;
se não, ela voltará para vós.
7Permanecei naquela mesma casa,
comei e bebei do que tiverem,
porque o trabalhador merece o seu salário.
Não passeis de casa em casa.
8Quando entrardes numa cidade e fordes bem recebidos,
comei do que vos servirem,
9curai os doentes que nela houver
e dizei ao povo: 'O Reino de Deus está próximo de vós.' 10Mas, quando entrardes numa cidade
e não fordes bem recebidos,
saindo pelas ruas, dizei:
11Até a poeira de vossa cidade, que se apegou aos nossos pés,
sacudimos contra vós.
No entanto, sabei que o Reino de Deus está próximo!
12Eu vos digo que, naquele dia,
Sodoma será tratada com menos rigor do que essa cidade.
Palavra da Salvação.
REFLEXÃO
Quando nos colocamos a serviço da proclamação da palavra sabemos que enfrentaremos a maldade humana, assim como o Cordeiro de Deus foi rejeitado em sua época.
Porém, devemos permanecer fieis ao nosso propósito, pois sabemos que o nosso redentor está vivo e que, por último, se levantará sobre o pó.
A bondade do Senhor haveremos de ver, por isso esperemos Nele e tenhamos coragem.
Que o Espirito Santo nos conduza a levar a paz de Cristo por onde passarmos, para que, por meio dele, possamos colher lindos frutos, alertando a todos para que se convertam, pois o reino de Deus está próximo de nós.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo São Lucas 9,57-62
Naquele tempo:
57Enquanto estavam caminhando,
alguém na estrada disse a Jesus: 'Eu te seguirei para onde quer que fores.' 58Jesus lhe respondeu: 'As raposas têm tocas e os pássaros têm ninhos;
mas o Filho do Homem não tem onde repousar a cabeça.' 59Jesus disse a outro: 'Segue-me.' Este respondeu: 'Deixa-me primeiro ir enterrar meu pai.' 60Jesus respondeu: 'Deixa que os mortos enterrem os seus mortos;
mas tu, vai anunciar o Reino de Deus.' 61Um outro ainda lhe disse: 'Eu te seguirei, Senhor,
mas deixa-me primeiro despedir-me dos meus familiares.' 62Jesus, porém, respondeu-lhe: 'Quem põe a mão no arado e olha para trás,
não está apto para o Reino de Deus.' Palavra da Salvação.
REFLEXÃO
Quando nos predispomos a seguir os passos de Jesus devemos ter em mente e no coração, que ao dizer que: “As raposas têm tocas e os pássaros têm ninhos; mas o Filho do Homem não tem onde repousar a cabeça”, Ele nos mostra que veio para salvação de “todos”, e que para segui-lo devemos nos desapegar das coisas e pessoas, em prol de nos disponibilizarmos para irmos ao encontro daqueles que se encontram perdidos do caminho da verdade.
Quando dizemos: “Eu te seguirei para onde quer que fores”, estamos dando nosso “sim” a missão do desapego terreno, em função de nos colocarmos a serviço do anúncio e da vivência da palavra.
Quero dizer meu sim, como Maria, e seguir os teus passos Senhor.

Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo segundo Mateus 18,1-5.10

Naquela hora,
1Os discípulos aproximaram-se de Jesus
e perguntaram:
"Quem é o maior no Reino dos Céus?"
2Jesus chamou uma criança, colocou-a no meio deles
3e disse:
"Em verdade vos digo,
se não vos converterdes,
e não vos tornardes como crianças,
não entrareis no Reino dos Céus.
4Quem se faz pequeno como esta criança,
esse é o maior no Reino dos Céus.
5E quem recebe em meu nome uma criança como esta,
é a mim que recebe.
10Não desprezeis nenhum desses pequeninos,
pois eu vos digo que os seus anjos nos céus
vêem sem cessar a face do meu Pai que está nos céus.
Palavra da Salvação.

REFLEXÃO
O Senhor nos envia anjos que vão à nossa frente, guardando nosso caminho para nos conduzir ao lugar que nos preparou.
A humanidade nos deixa impuros e somente por meio da conversão de nossos pecados e pela misericórdia divina podemos nos purificar para sermos dignos de estar em sua presença.
Somente a pureza convive na luz, por isso nos convida a sermos como crianças, que são anjos enviados por Deus, para que sua ingenuidade nos sensibilize a querer ver a vida por meio da lente do amor, da forma leve e lúdica como que enxergam.
Para tanto devemos estar atentos ouvindo sua voz e respeitando suas indicações, pois a sabedoria nos vem das pequenas coisas e dos menores sábios em forma de anjos.
O Senhor deu uma ordem aos seus anjos, para em todos os caminhos nos guardassem.

Hashtags mais populares do Instagram