vicbitt vicbitt

733 posts   3,058 followers   2,136 followings

Victoria Faria Bittencourt  Curitiba, 20 anos. Apaixonada e fotógrafa. @_vicbitt @achoufoodcuritiba

💙

Tapetinhooo💛

💎

Yas, não poderia deixar de postar umas fotinhos de despedida! Saiba que torço muitão por você! Aproveite muuuito esse novo tempo! Estarei sempre aqui torcendo por você! Te amooooo! #desde2012

Sou grata à Deus por sua vida! Feliz dia dos pais! 💙

Gosto quando a vida me coloca contra a parede. Às vezes é a mesma sensação que um soco na boca do estômago.

Minha manhã não foi muito boa e me questionei, triste, sobre o porquê de algumas situações.

Na hora do almoço tinha um rapaz no meu ônibus e era óbvia a dificuldade de fala e motora dele, talvez uma paralisia, não sei. Na hora do desembarque ele pediu ajuda para que alguém segurasse suas muletas. Muitos se prontificaram, ele desceu no tubo e tudo ok. Ele encostou na barra, pediu ajuda para um menino para tirar uma sacola de sua mochila e foi assim que começou a vender seus doces, balas de goma de sabor fruta e eucalipto. A cestinha estava cheia e cada pacotinho era apenas 1 real.

Ficou claro que o que ele estava fazendo era por necessidade, muitas vezes, pessoas com um corpo perfeito -sem nenhum tipo de dificuldade- não tem a disposição e força de vontade que esse rapaz tem. Mas enfim, ele ofereceu bala para todos da fila do ônibus e ninguém comprou, nem eu..talvez pela preguiça de procurar uma única moeda na minha bolsa. E como eu estava meio revoltada com o mundo nem me esforcei também.

Foi quando de repente chegou uma mãe com uma menininha linda de uns 3/4 anos. Ela começou a chorar porque queria bala e a mãe explicou para ela que não iria comprar porque não tinha dinheiro. Adivinhem o que aconteceu. Sim. Ele deu um pacotinho pra menininha. E sim, foi como um soco no meu estômago. Sério. Caiu a cara de todo mundo que tava na fila comigo. Claro, que depois disso várias pessoas compraram as balinhas. Inclusive eu. Parece algo pequeno mas foi algo transformador no meu dia. Tirei uma lição grandiosa de toda a situação.
Consegui registrar um segundinho do momento. 📸

Su

🚫

A morte me inspira
A morte é realmente algo que me inspira, por pior que seja. Você leu isso mesmo. Entenda “inspirar” como sugerir/motivar. Já faz algum tempo que estou com vontade de escrever sobre morte, mas sempre acabo adiando minhas palavras.
A morte não me faz sentir vontade de morrer, nem matar, nem algo do tipo. Não é algo atrativo, nem divertido. Ninguém nunca está preparado para partir, muito menos ver o outro partir.
Há uns três meses atrás, faleceu uma senhora que morava com seu marido em um sobrado que fica em frente ao meu condomínio. Há mais ou menos um mês, faleceu o marido dela. Foi o suficiente para dias depois o sobrado esvaziar e aparecer uma grande placa de “vende-se” no imóvel.
Esse dias fui em um velório e as pessoas choravam muito pela partida daquela pessoa. Talvez pelo peso de serem ausentes na vida dele, acho que arrependimento era a palavra chave do momento e é sempre comum ver isso em velórios.
A morte sempre me trouxe longas reflexões, sempre paro para pensar no assunto. Ontem enquanto assistia ao com um dos candidatos á presidência do país, algo me fez refletir, não com um pensamento político e crítico, mas humano mesmo. Em uma parte do programa, o candidato soltou uma frase que continha no meio “não vamos morrer não”. Mas vai morrer sim. Ele não sabe quando, mas vai.
Hoje, infelizmente, aconteceu um acidente na Linha Verde, aqui em Curitiba. Foi uma tragédia, uma fatalidade. Faz uns 6 anos que passo diariamente naquele local e isso foi algo que me chocou, cansei de ver aquele ponto de ônibus cheio de gente. E hoje três pessoas morreram lá. Ninguém achou que ia morrer hoje, o policial não acordou disposto a matar e nenhuma das vítimas acordou disposta a morrer.
Todo dia é dia.  De agradecer, de amar, abraçar. Nunca é tarde para perdoar. Sempre é bom presentear e se fazer presente. Tarde demais é quando você se dá conta que não dá mais tempo. É quando você vê o tempo passar e a vida partir.
Nosso erro é achar que somos seres imortais, nosso erro é achar que somos blindados.  É estar acostumado com a rotina e achar que nada de ruim pode acontecer. Fatalidades acontecem, acidentes acontecem. Só sei que sinto muito. Muito mesmo.

Neném da dinda!

🎈🎉🎊💗

Ninguém bate o Resenha, é isto. 🤙❤

Most Popular Instagram Hashtags