#recuperacaojudicial

MOST RECENT

A equipe Figueiredo, Oliveira & Fabris Advogados Associados conclui, nesta semana, mais um módulo do curso Administrador Judicial da TMA Brasil, em São Paulo. Ética, moral e legalidade em recuperações judiciais foram temáticas abordadas, paralelamente com a integridade corporativa e o papel do administrador judicial no processo de falência ou recuperação judicial das empresas. “A sanção moral pode ser mais gravosa do que a sanção jurídica. Vivemos de confiança. Nosso ativo mais importante é a reputação, a credibilidade”, ressaltam os sócios.

#justica #administradorajudicial #falencias #empresa #recuperacaojudicial #credor #inspecao #tecnica #juiz #magistrado #advogados #law #lawyer #curso #workout

Palestra realizada pelo dr.@Fernando Brandariz sobre o tema Recuperação Judicial de Empresas.

#recuperacaojudicial

Palestra com o tema Recuperação Judicial de empresas realizada pela @sodepebrasil
#recuperacaojudicial

Mais um pedido de Recuperação Judicial de grandes empresas do Brasil, desta vez, o Grupo Abril decidiu entrar com pedido de recuperação judicial nesta quarta-feira (15). A informação foi antecipada pelo colunista do jornal "O Globo", Lauro Jardim, e publicada no site da revista "Exame", publicação do próprio grupo. Confira a matéria completa em nosso site: www.mestremedeiros.com.br (link na nossa bio)

Confraternização curso de Recuperação Judicial Escola da Magistratura do Paraná.
#recuperacaojudicial #consultoria #advogado #empreendedorismo #empresa

#Repost @advborgesteles with @get_repost
・・・
Em processo patrocinado pelo Borges Teles Advocacia e Consultoria, a Magistrada da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual da Comarca de Goiânia, Dra. Patricia Dias Bretas, determinou que o Estado de Goiás não exija o recolhimento do Diferencial de Alíquota (DIFAL) de empresa optante do Simples Nacional. Para ter o benefício é necessário demanda judicial individualizada.
#difal #difalnao #advborgesteles #difalinconstitucional #comodidadetributaria #consultoriatributaria #direitotributario #planejamentotributario #advocaciapreventiva #advogado #advogada #consultoriajuridica #planejamentotributario #recuperacaojudicial #direitotributario #amodireito #advocaciaporamor #advocaciadeexcelencia #advocaciamoderna #advocacia #advocaciadenegocios #advocaciaeficaz

Em processo patrocinado pelo Borges Teles Advocacia e Consultoria, a Magistrada da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual da Comarca de Goiânia, Dra. Patricia Dias Bretas, determinou que o Estado de Goiás não exija o recolhimento do Diferencial de Alíquota (DIFAL) de empresa optante do Simples Nacional. Para obter o benefício é necessário ingressar com demanda individualmente.
#diferencialdealiquota #icms #inconstitucional #advborgesteles #consultoriatributaria #direitotributario #advocaciapreventiva #advogado #advogada #consultoriajuridica #planejamentotributario #recuperacaojudicial #cdlanapolis #direitotributario #amodireito #advocaciaporamor #aciaanápolis #tributario #goias #anapolis #advocaciadeexcelencia #advocaciamoderna #advocaciadenegocios

Em processo patrocinado pelo Borges Teles Advocacia e Consultoria, a Magistrada da 2ª Vara da Fazenda Pública Estadual da Comarca de Goiânia, Dra. Patricia Dias Bretas, determinou que o Estado de Goiás não exija o recolhimento do Diferencial de Alíquota (DIFAL) de empresa optante do Simples Nacional. Para ter o benefício é necessário demanda judicial individualizada.
#difal #difalnao #advborgesteles #difalinconstitucional #comodidadetributaria #consultoriatributaria #direitotributario #planejamentotributario #advocaciapreventiva #advogado #advogada #consultoriajuridica #planejamentotributario #recuperacaojudicial #direitotributario #amodireito #advocaciaporamor #advocaciadeexcelencia #advocaciamoderna #advocacia #advocaciadenegocios #advocaciaeficaz

GRUPO ABRIL pede RECUPERAÇÃO JUDICIAL

O Grupo Abril protocolou nesta quarta-feira, 15, pedido de recuperação judicial na vara de Recuperação Judicial e Falências de SP. A dívida submetida à proposta de recuperação judicial é de aproximadamente R$ 1,6 bi.

A decisão ocorre quase um mês após a contratação da empresa de reestruturação Alvarez & Marsal ter sido anunciada pela família Civita, controladora da empresa. Desde então, a Abril passou a ser presidida pelo executivo Marcos Haaland, da A&M.

O pedido engloba todas as companhias operacionais do grupo, incluindo Abril Comunicações e as empresas de distribuição de publicações agrupadas dentro da Dipar Participaçoes, e de distribuição de encomendas Tex Courier. Em comunicado, a empresa informa que o movimento se deve à necessidade de buscar proteção judicial para repactuação de seu passivo com bancos e fornecedores.

As revistas da Abril somam uma tiragem total de 5 milhões de exemplares por mês e têm mais de 60 milhões de seguidores em redes sociais. De acordo com publicação do grupo, apesar disso, o ambiente econômico desfavorável e os desafios da mudança tecnológica levaram a empresa a fazer sucessivas reformulações operacionais nos últimos anos. No caminho, vários títulos tiveram a publicação interrompida, mesmo com a empresa já se movendo na área digital.
No último dia 6, o Grupo anunciou o fechamento de diversos títulos e a demissão de mais de 500 jornalistas. Em comunicado, a empresa atribuiu o fechamento de títulos ao seu “processo de reestruturação” e ao “objetivo de garantir sua saúde operacional em um ambiente de profundas transformações tecnológicas, cujo impacto vem sendo sentido por todo o setor de mídia”. “O processo tornou-se obrigatório dentro das circunstâncias impostas por uma economia e um mercado substancialmente menores do que os que trouxeram a Abril até aqui”. #recuperacaojudicial #editoraabril #revista #jornalista #creditotrabalhista #direitodotrabalho #direito #dispensa #administracaojudicial #saibaseusdireitos #habilitacaodecredito #vbkadvogados

Não perca essa oportunidade única! Neste mês de Agosto acontece o primeiro congresso internacional de insolvência empresarial e o Mestre Medeiros fará parte deste evento. Venha participar!
Mais informações acesse: www.ibajud.com.br

É uma honra participar desse grande evento! #ibajud#direitoempresarial #recuperacaojudicial #fgvdireitorio

O Grupo Abril entrou com pedido de recuperação judicial nesta quarta (15), quatro semanas depois de entregar sua gestão à consultoria de reestruturação Alvarez & Marsal.
.
No período, o novo presidente do grupo, Marcos Haaland, que é diretor-executivo da consultoria, comandou cortes de pessoal e de títulos, preparando a Abril para a recuperação. .
A empresa afirmou nesta quarta-feira que “uma situação de instabilidade junto a seus credores e ações abruptas de restrição de capital de giro levaram o grupo a seguir pelo caminho da proteção judicial”.
.
O pedido protocolado na vara de recuperação e falências de São Paulo engloba todas as companhias operacionais do Grupo, incluindo a Abril Comunicações e as empresas de distribuição de publicações, agrupadas dentro da Dipar Participações, e de encomendas Tex Courier.
.
Há um mês foi anunciada a saída da família Civita da direção da Abril, que passou a ser administrada por uma consultoria especializada em reformulação financeira e operacional de empresas, a Alvarez & Marsal.
#recuperacaojudicial #falência #avaliacao #gestao #consultoria #revistaabril

Grupo Abril entra com pedido de recuperação judicial. Dívidas no valor total de R$ 1,6 bilhão estão por trás do movimento, que engloba todas as companhias operacionais do grupo. Uma vez que o pedido seja aprovado pelo juiz, a Abril terá 60 dias para apresentar um plano de pagamento aos seus credores, que incluem bancos como Bradesco, Santander e Itaú. No ano passado, o prejuízo da empresa chegou a R$ 331,6 milhões. Este mês, a Abril anunciou o fechamento de nove títulos, como Elle, Veja Rio e Mundo Estranho, e demitiu cerca de 800 pessoas. Marcas como Veja, Exame, Placar e Capricho permanecerão no portfólio da empresa, que manterá aproximadamente 3 mil funcionários.
#direitoempresarial #recuperacaojudicial #pepeadvocacia #americasavenuebusinesssquare

Nada parece óbvio e com final tão previsível.
País com altos impostos e custos trabalhistas absurdos por um lado. Por outro a demora a se adaptar aos novos hábitos de consumo. Onde será que perderam a mão?
E você está atento ao seu negócio?
#negócios #recuperacaojudicial #inovação #gestão #mágestão #tendências #planejamento #consultoriapme #consultoriaprapequenas #consultoriafinanceira #timing #estratégia

Nada parece óbvio e com final tão previsível.
País com altos impostos e custos trabalhistas absurdos por um lado. Por outro a demora a se adaptar aos novos hábitos de consumo. Onde será que perderam a mão?
E você está atento ao seu negócio?
#negócios #recuperacaojudicial #inovação #gestão #mágestão #tendências #planejamento #consultoriapme #consultoriaprapequenas #consultoriafinanceira #timing #estratégia

“O Grupo Abril, controlado pela família Civita e dono da maior editora de revistas do país, protocolou hoje pedido de recuperação judicial na Vara de Recuperação Judicial e Falências de São Paulo. A dívida é de R$ 1,6 bilhão.

O pedido engloba todas as companhias operacionais do grupo, incluindo Abril Comunicações e as empresas de distribuição de publicações agrupadas dentro da Dipar Participações, e de distribuição de encomendas Tex Courier.

Em comunicado, a empresa informa que o movimento se deve à necessidade de buscar proteção judicial para repactuação de seu passivo com bancos e fornecedores. “ Fonte: valor econômico. #recuperacaojudicial
Da dívida de R$ 1,6 bilhão do grupo, cerca de R$ 900 milhões são com os bancos Bradesco, Santander e Itaú Unibanco. A fatia de cada um deles é parecida, segundo uma fonte próxima a um credor. Segundo essa fonte, as chances de recuperação dos empréstimos feitos ao Grupo Abril são remotas.” Fonte: Valor econômico. #recuperacaojudicial #direitoempresarial #direitosocietario

Hoje mais um grande grupo pediu Recuperação Judicial, o que demonstra que ainda teremos mais um bom tempo de crise, visto que nem as grandes empresas estão conseguindo se blindar.

Mas, toda crise deve ser um momento de reflexão, tanto pro consumidor quanto pro investidor, este último deve, principalmente, se manter atento para as reais necessidades e expectativas daqueles primeiros.

Aguardemos para ver a repercussão desse pedido de Recuperação Judicial no mercado, considerando que a maior parte da dívida encontra-se nas mãos dos bancos.

Além disso, vamos aguardar o Plano de Recuperação Judicial do grupo, e analisar se visa mesmo a Recuperação do grupo.

Matéria retirada do site valor.com.br 💻 #advogada #advogado #direito #recuperacaojudicial #grupoabril #abril #direitoempresarial

Most Popular Instagram Hashtags