reporterbrasil reporterbrasil

129 posts   11,291 followers   48 followings

Repórter Brasil  A Repórter Brasil denuncia violações de direitos humanos, investiga cadeias produtivas de grandes setores e atua na prevenção do trabalho escravo

Ruralómetro: consulte antes de votar.

Link na bio.

Consulte seu candidato antes de votar. Link na bio.

Consulte seu candidato antes de votar. O Ruralômetro é uma ferramenta que avalia como a atuação dos deputados federais impactou o meio ambiente, povos indígenas e trabalhadores rurais. Foi atualizado hoje pela Repórter Brasil. O link está na bio.

Até namorar era proibido em garimpo aberto dentro de área de proteção no Pará. Lá, 38 homens e mulheres foram resgatados pelo grupo de fiscalização móvel do Ministério do Trabalho, pois estavam em situação análoga à de escravos. Link na bio.

Um senhor com os pés e as pernas cobertos de machucados e erupções estava entre os 38 resgatados de condições de trabalho análogas à escravidão em um garimpo no Pará. Link para a reportagem na bio.

O deputado federal Geraldo Resende (PSDB) atuou contra construção de cisternas em comunidades do Mato Grosso do Sul onde indígenas bebem água suja e são contaminados por agrotóxicos – em alguns casos, pulverizados sobre as suas casas. Link para reportagem na bio.

Indígenas Guarani e Kaiowá bebem água suja e são contaminados por agrotóxicos – em alguns casos, pulverizados sobre as suas casas, como mostra o vídeo – no Mato Grosso do Sul. Há denúncias de crianças internadas e adultos com diarreias, febres e manchas pelo corpo.

O problema poderia ser amenizado por um programa que instalaria 910 cisternas nesses locais, mas foi boicotado pelo deputado federal Geraldo Resende (PSDB/MS). Link para a reportagem completa na bio.

Em uma das maiores frentes de desmatamento da Amazônia, casal de pequenos agricultores insiste em ficar no seu lote. "Daqui eu só saio morta", diz Osvalinda Pereira. Link na bio.

"Tinha muito morcego e rato. A gente comprava comida e os ratos comiam. A gente não recebia por feriado, domingo, nada", relatam trabalhadores em fazenda de café que tinha dois dos mais importantes selos de certificação internacional. Um deles da multinacional Starbucks. Link na bio.

Hugo Alves dos Santos é ex-diretor da escola que foi pulverizada em Goiás há 5 anos. Hoje ele leciona em 5 escolas diferentes, todas com plantações ao redor. Em todas a contaminação das crianças é frequente. Link para a entrevista na bio.

Pecuaristas menonitas e frigoríficos brasileiros avançam sobre o Chaco paraguaio, transformando o bioma em um dos mais desmatados do mundo. Flagrantes de trabalho escravo revelam ainda exploração de indígenas e crianças nas fazendas. “Os indígenas ganham pouco, trabalham muito, comem pouco, não dormem bem. Falta água. E todo mundo sabe disso”, diz líder comunitário Guarani-Ñadeva.

Link para a reportagem na bio.

Ailton Lima é morador da Serra do Centro, em Tocantins. Na época de chuvas ele não pode usar a água do rio, pois os agrotóxicos das lavoras de soja contaminam o curso d'água. Leia as reportagens especiais que preparamos sobre 10 comunidades tradicionais. Link na bio. 📷 @isenseemarcio

Most Popular Instagram Hashtags