psicoleticia psicoleticia

2593 posts   66706 followers   1360 followings

Letícia de Oliveira- PSICOLOGA  📚 Especialista em Analise do Comportamento. ☎️ Consultório: (12)30187434/ (12)981585067 ✏️ FanPage: Leticia de Oliveira- Psicoleticia

http://www.leticiadeoliveira.com.br/

É melhor falar, perguntar, se expressar, do que se calar, se fechar, e então se afastar.. Nem todo mundo que nos machuca sabe que o fez; nem todas às vezes que pensamos algo temos razão.

Precisamos aprender a ensinar ao outro nossa forma de funcionar; precisamos dar ao outro a chance de se explicar e até mesmo de se desculpar. Precisamos entender que não temos manuais de instrução e que uma hora somos nós que iremos "errar".

Vivemos em uma cultura ocidental; aqui no Brasil somos criados de uma maneira mais afetiva, somos ensinados a perceber o outro, e com isso ficamos mais propensos a ajudar, a solucionar, mas muitas vezes acabamos, sem intenção, invalidando o que o outro sente, ou então invadindo a vida de quem nem nos pediu ajuda ou orientação.

INVALIDANDO O SENTIMENTO DO OUTRO:
Quando alguém nos faz uma queixa, essa pessoa não necessariamente quer uma solução para seu problema ( sei que para quem é solucionador isso é bem difícil de entender e aceitar). Muitas vezes a pessoa quer somente ser ouvida, acolhida, e quer que reconheçamos o quanto ela é esforçada e o quanto talvez ela seja coitada.

O que você se sentiria se você contasse sobre o fim de um relacionamento e a pessoa te falasse o seguinte: " Menina, você ainda está pensando nele??? Desencana, já faz tanto tempo... ele já está em outra".... Vamos lá.. se a pessoas esta te contando é porque está doendo... se está doendo, esse conselho não só não vai atrapalhar, como vai ajudar ela se sentir ainda pior (eu gosto de alguém que não gosta de mim, e que já está com outra, e o mundo está me dizendo que eu estou errada no meu sentimento).
Sei que a intenção de quem fala é boa, mas precisamos tomar cuidado em não cobrar do outro aquilo que não estamos sentindo. É facil falar quando não estamos no seu lugar.
INVADINDO A VIDA ALHEIA
Pior do que reclamar e ter a queixa invalidada, é ser ajudada sem ao menos pedir ajuda.
Acho que as grávidas e mães de primeira viagem sabem bem do que estou falando.
Quem disse que quem está grávida quer sua orientação? Quem disse que quem tem filhos quer sua sugestão??
Temos a sensação de intimidade apenas por já ter vivido aquela experiência, mas nos esquecemos que cada história é uma, e que cada pessoa tem o direito de tentar, de arriscar, e até mesmo de errar.

Acredito que a intenção é sempre de ajudar, mas precisamos prestar atenção no que a pessoa está de fato precisando e não somente naquilo que estamos dispostos a fazer, naquilo que estamos dispostos a dar.

Gente, amei esse texto e decidi compartilhar com vocês! Quando estamos organizados fisicamente, aumentamos a probabilidade de nos organizar emocionalmente, e vice versa! Vale muito a pena ler!! Repost from @organizar.decorar
Boa noite!! Hoje quero compartilhar e reforçar com vocês sobre a importância, e os benefícios da organização em nossas vidas, em casa e no ambiente de trabalho.
A organização melhora muito a
nossa qualidade de vida, pois, gera praticidade e ganho de tempo em nossa rotina diária.

Estudos comprovam que estar em um local bem organizado, sem bagunça e poluição visual, aumenta o poder de concentração e foco para a realização de atividades e tarefas, o que aumenta muito a produtividade e diminui a ansiedade, uma vez que, conseguimos finalizar tudo de forma mais ágil e isso nos deixa com uma sensação de bem estar e dever cumprido.
Organize sua casa, seu trabalho, e tenha um ambiente leve, calmo, confortável e produtivo.
Você vai sentir os benefícios em sua mente, em seus sentimentos, na sua vida em geral, pois quem se organiza por fora, também se organiza por dentro. Fica a dica!! 😊

#marciamelo #organizaredecorar #organizing #organizacaoetudo #amoorganizar #vidasaudavel #qualidadedevida #vidaleve #praticidade #personalorganizer #personalorganizerbrasil #profissionaldeorganizacao #decoracao #suacasalinda #maistempo #home #office

Sim, falar é importante!! É através da fala que confirmamos nossas sensações e nossas percepções. Quem nunca ficou esperando um pedido de desculpas mesmo percebendo que o outro estava arrependido, tentando agradar, e com seu comportamento se desculpar?
Mas acredito que as pessoas acabaram fortalecendo suas falas, seus repertórios verbais, e acabaram deixando de lado as mudanças reais. Quantas vezes você já ouviu desculpas mas não sentiu que a pessoa estava de fato arrependida? Quantas vezes você já ouviu te amo e não se sentiu realmente amada?? Precisamos aprender a falar e também a fazer!! Precisamos entender que o outro espera nossa fala e também nossa ação; precisamos melhorar nossa empatia e também nossa percepção.

Gente, recebi essa foto e tenho certeza que juntos podemos ajudar a encontrar a Luana!!! Compartilhem!!

Muitas vezes nos queixamos do que temos e acabamos nos esquecendo que, na maior parte das vezes, fomos nós mesmos que fizemos nossas escolhas.

Algumas vezes erramos por não ter outra alternativa; algumas erramos por não nos conhecer suficientemente bem para escolher algo que nos faça sentido; muitas erramos por medo de tentar fazer diferente e por insegurança de desagradar muita gente.

Obrigada querido @ed_souza_noivas pela make, cabelo, risadas e pelo carinho de sempre!! Amo você ❤️

Antes de fazer, de escolher, tente empatizar, tente perceber o que você sentiria se estivesse naquele lugar. 😉

Quantas vezes você prometeu começar aquela dieta mas acabou desistindo? Quantas vezes você se matriculou na academia e acabou não indo? Quantas vezes você pensou em procurar outro trabalho, quantas vezes você se propôs a demitir um funcionário; quantas vezes você se comprometeu a viajar de avião, a tirar habilitação? Quantas vezes você se prometeu se respeitar e jurou que o seu relacionamento iria terminar?

A gente se cobra, se compromete, se promete e nem sempre a gente cumpre! Você já parou para pensar no porquê isso acontece?

ESCOLHAS ERRADAS: o primeiro motivo parece bem óbvio mas não é; somos, diariamente bombardeados por milhares de estímulos. É aquela amiga que casou, aquela conhecida que engravidou, aquela blogueira que emagreceu, aquele colega que enriqueceu. Fazemos, muitas de nossas escolhas, automaticamente. Não paramos para pensar se aquelas escolhas tem a ver com nossas prioridades e se a gente as quer de verdade.
Quando as escolhas não são nossas, não conseguimos nos comprometer.
MEDO DE FALHAR: nada melhor do que não tentar quando temos medo de falhar. É mais confortável acreditar que não tivemos tempo, ou dinheiro, que não estávamos tão dispostos, e até mesmo responsabilizar o outro, do que fracassar.
DIFICULDADE EM ABDICAR: tem muita gente que quer ganhar e se esquece que precisa aprender a abdicar. Se você quer ganhar dinheiro, vai ter que trabalhar; se quer ter um corpo perfeito vai ter que acordar cedo, não comer todo dia o que gosta, vai ter que malhar; se você quer passar em uma prova vai ter que deixar de sair para estudar; se você não esta mais satisfeito com ser empregado vai precisar arriscar. Não existe ganho sem dedicação e sem abdicação.

E você?? Será que quer mesmo tentar ou sempre arruma uma desculpa criativa para se justificar 😉

Quantas vezes você já almejou algo sem planejar; quantas vezes você já se queixou, já se justificou e nada mudou? Quantas vezes você já responsabilizou o outro ou a falta de tempo pelo seu sofrimento e pela dificuldade em modificar seu comportamento?? Mudar um comportamento não é nada fácil. Não é fácil porque sair da zona de conforto é difícil; não é fácil porque nos acostumamos com as situações ( mesmo aquelas que nos fazem infelizes); não é facil porque precisamos nos esforçar, porque precisamos nos priorizar e também porque precisamos abdicar.

O que você já sabe é que sempre que nos comportamos de maneira igual teremos um resultado igual; o que você ainda não sabe é que qualquer mudança ( qualquer uma mesmo) que você implemente no seu cotidiano aumenta a probabilidade de você conseguir outras mudanças ( sempre que modificamos algum comportamento, ficamos em estado de alerta, sinalizamos para nosso cérebro que estamos saindo da zona de conforto; ficamos um pouco mais ansiosos, um pouco mais cansados, mas também mais seguros por entendermos que damos conta das mudanças, e que somos mais capazes do que pensávamos). E você?? Quer mesmo mudar? Por onde pretende começar?

Por que será que é tão dificil não ser aceito por alguem? Por que temos tanta dificuldade quando somos criticados?

Pessoas que se cobram muito, que se preocupam muito em não incomodar, em não criar problema, são, normalmente, as que mais se importam com a opinao do outro.
É muito difícil para quem ja se cobra ser cobrado; é mais difícil para quem ja se julga ser julgado; é muito mais difícil para quem faz tudo para agradar não ser aprovado.
E o que fazer quando alguém não gosta da gente?

Primeiramente entender quais comportamentos seus podem não deixar essa pessoa confortável, e se você tem ou não meios para modificar essa relação. Algumas vezes podemos nos analisar, e nosso comportamento modificar; algumas vezes precisamos lidar com a dor de não sermos aceitos...precisamos então aprender a aceitar sem nada fazer... simplesmente lidar com a relação e trabalhar nossa frustração.

Você já conheceu ou conviveu com uma pessoa negativa? Aquela que sempre vê o lado ruim de tudo e que traz aquele " peso" por onde anda? Foi pensando nisso que decidi fazer esse post.

Pessoas negativas podem funcionar dessa forma por diferentes razões:
✔️CRESCERAM PENSANDO NO PIOR PORQUE PRECISAVAM SE PREPARAR CASO ELE ACONTECESSE. (crianças que não se sentem seguras crescem com a necessidade de se preparar para tudo que negativo que possa eventualmente acontecer e se tornam adultos pessimistas e criticos). ✔️CRESCERAM SENDO MUITO MIMADAS (crianças que cresceram sendo muito atendidas, se tornam adultos altamente criticos e intolerantes a frustração. Esses adultos provavelmente olharão o mundo de maneira mais pessimista). ✔️ PESSOAS QUE GOSTAM DE CHAMAR ATENÇÃO PELO MAL (olhar tudo pelo viés negativo traz tristeza e consequentemente atenção. A pessoa não faz isso conscientemente, mas aprende com o tempo que consegue se sentir importante dessa forma). ✔️PESSOAS MAL RESOLVIDAS, QUE NÃO SÃO SATISFEITAS COM SUAS ESCOLHAS E QUE POR ISSO INVEJAM TUDO QUE A OUTRA PESSOA VIVE. ✔️ PESSOAS COM TRANSTORNO DE PERSONALIDADE.
É claro que existe outras hipóteses sobre o comportamento de ser negativo, mas acredito que na maior parte das vezes vocês conseguir encaixar essas pessoas em uma dessas alternativas.

E como lidar com essas pessoas???
No próximo post vou dar algumas dicas pra vocês.

Most Popular Instagram Hashtags