imaginedaaly imaginedaaly

2229 posts   6882 followers   375 followings

Adap:Um contrato e Herdeiros?!  O Príncipe e a Plebéia-📕 Reflexo-📕 E mais 4 história adaptadas 📙 😍

370
.
.

Bru: Vou estar no quarto da Rafa. - falou aparecendo no banheiro enquanto eu tomava banho. -
-
Ela saiu e continuei meu banho, depois de um tempo desliguei o chuveiro e vi que a toalha não estava no banheiro. Sai do banheiro molhado mesmo e quando entro no closet Matthew está com uns vestidos na mão. -
-
Ney: Mas que porra. - falei colocando minhas mãos na frente do meu pau.
-
-
Matt: Eu vim... a Bru... pegar os vestidos. - falou embolando as palavras. Ele estava olhando para as minhas mãos. -
-
Ney: Pode me dar licença? - perguntei sem saber se ria do nervosismo do cara ou ficava puto por ele está aqui enquanto eu estava nu na frente dele. -
-
Matt: Desculpa. - saiu correndo com os vestidos. -
-
Peguei a toalha no armário e me cobri, peguei minha roupa e fui para o banheiro trancando a porta, vai que o cara entrasse de novo.

369
.
.
Bru: Porque ela só faz isso quando promete dar algo para ela. - falou rindo. Segurei Julie pelos pés, deixando ela de cabeça para baixo e balancei fazendo ela rir.- Para com isso menino. - Bruna falou pegando Julie e colocando ela em pé. Julie riu e saiu correndo do quarto.
-
-
Ney: Você acaba com minhas brincadeiras. - falei me jogando na cama. -
-
Bru: Ainda bem. - falou rindo e se sentando na cama. Senti sua mão em minha barriga. - Está perdendo a forma em. - -
Ney: Estou nada. - falei levantando a blusa para olhar.
-
-
Bru: Daqui a pouco está com buchinho. - falou escondendo o riso. -
-
Ney: Te f...
-
-
Bru: Olha o que vai falar. -
-
Ju: Mamãe o tio Matt. - disse Julie entrando no quarto e pulando na cama. -
-
Ney: Julie chama sua irmã e vem aqui no quarto. - falei e ela desceu da cama indo. -
-
Bru: Vou ir la. - me deu um selinho e assenti. Bruna saiu do quarto e as meninas entraram no quarto correndo e subindo na cama, tirei a blusa e deitei com a barriga para baixo. -
-
Ney: Vocês duas vão fazer massagem em mim, podem começar. - escutei o riso delas e fechei os olhos. Logo senti quarto mãos pequenas em minhas costas apertando. Tinha que ensinar essas coisas logo cedo.

368
.
.
Ney: Então vamos procurar sua mãe. - falei saindo da cozinha. -
-
Ju: Papai. - chamou enquanto sabiamos as escadas. -
-
Ney: Fala.
-
-
Ju: Vai na minha escola? - pediu e olhei para ela curioso. -
-
Ney: Ir na sua escola? Porque? - perguntei.
-
-
Ju: A professora disse para levar o papai ou a mamãe para falar do trabalho. - ela disse mexendo com os dedos. -
-
Ney: E você quer que eu vá? - estava surpreso por esse convite. -
-
Ju: Sim. - sorriu. - Meus amigos pediram. - falou. - Eu te dou muitos beijos.
-
-
Ney: Essa proposta é tentadora. - falei mordendo ela. - Eu vou, mas agora quero meus beijos. -
-
Ela segurou meu rosto dando vários beijos na minha bochecha.
-
-
Bru: O que você prometeu para ela? -  apareceu no quarto. -
-
Ney: Porque eu tenho que ter prometido algo? - perguntei fingindo de ofendido.

367
.
.
Bru: Tudo bem, posso chamar duas pessoas? - perguntou, uma eu sabia que era a Rafa e a outra.
-
-
Ney: Sim, daqui uma hora chego aí então. -
-
Bru: Ok, te amo. - falou e sorri fraco.
-
-
Ney: Também. -
-
Encerrei a chamada e voltei para a sala, eles ja tinham comido uma pizza inteira deixando so uma. -
-
Ney: Nem me esperaram. - falei pegando um pedaço. -
-
Gil: Demorou demais. -  falou. - Comida não espera ninguém. -
-
Alfred: E então? Está dentro hoje? - Alfredo perguntou e sorri. - Isso ae cara.
-
-
Ficamos comendo enquanto conversávamos sobre várias coisas, esses caras eram engraçados demais. Alfredo contou várias história de quando estava morando em Vegas. Me despedi deles e marcamos de 22:00 horas estar na boate que eles ainda iam escolher. Fui para casa e logo estava estacionando o carro na garagem, tranquei o carro e entrei em casa. A sala estava vazia, fui para cozinha e minha mãe e Julie estavam la.
-
-
Ney: Ei boneca. - falei e Julie veio me abraçar. - Cadê o resto? -
-
Nadine: Rafa está com Aurora treinando balé, seu pai saiu e Bruna estava aqui. - falou minha mãe.
-
-
Ney: E você não treina balé não? - perguntei para o rascunho de gente no meu colo.
-
-
Ju: É chato papai. - ela falou e ri. Tinha que concordar.

366
.
.
Ney: Chegou quando? - perguntei me jogando no sofá.
-
-
Alfred: Ontem. - deu de ombros. -
-
Ney: E você nem me falou ne palhaço? - falei olhando para Gil que me entregou uma cerveja sentando no tapete. -
-
Gil:Eu fiquei sabendo hoje, quando você desligou o telefone ele chegou. - disse. -
-
Ney: Veio para ficar? - perguntei e ele concordou. - Aew!
-
-
Alfredo: Vamos em alguma boate hoje? - perguntou e fiz careta e Gil riu.
-
-
Ney: Acho que não vai dar. - falei. -
-
Gil: Eu estou dentro. - falou rindo. - Isso que da se amarrar, nem respirou ar puro direito. -
-
Alfred: Qual é? Bora comemorar minha chegada Ney. - falou.
-
-
Ney: Depois te dou resposta. - falei e ele bufou fazendo Gil rir.
-
-
Ficamos assistindo o jogo, era bom passar esse tempo com os caras. Gil conseguia ser mais nervoso que eu, Alfredo ficava rindo de nós dois e fazendo piada. Pedimos uma pizza quando o jogo acabou, meu celular começou a tocar e olhei no visor que era Bruna.
-
-
📱Lig on📲
.
.
Ney: Oi moreninha. - falei me levantando. -
-
Alfredo: Pede permissão para a patroa. - Alfredo gritou enquanto eu ia para varando, mostrei o dedo do meio para ele.
-
-
Bru: Amor, já está vindo? - perguntou.
-
-
Ney: Daqui a pouco, meus pais vão dormir aí? - perguntei me sentando em uma poltrona. -
-
Bru: Sim. - falou. - E a Rafa também tudo bem? -
-
Ney: Tudo. - dei de ombros. - Quer sair hoje a noite? -
-
Bru: Para onde? - perguntou curiosa.
-
-
Ney: Um amigo meu está aqui e me chamou para ir em alguma boate. - falei. Era mais fácil falar com Bruna quando eu conseguia ver o rosto dela.

365
.
.
Ney: Eu sou o pai, tenho mais direitos. - falei sorrindo. - E ja estão prontas. -
-
Bru: Eu não vi. -  falou confusa. -
-
Nadi: O que escolheu filho? - perguntou minha mãe. -
-
Ney: Todo mundo só vai ver amanhã, tchau moças. - falei indo para a garagem. -
-
Peguei a Ferrari, fazia um bom tempo que não andava com ela, entrei e dei partida. Qual a graça ter um brinquedo e não usar as vezes?  Ontem passei a noite toda com Bruna andando de um lado para o outro resolvendo as coisas do aniversário, mereço um pouco de descanso. Cheguei no prédio de Gilmar e acenei para o porteiro que abriu o portão do condomínio, Gil morava em um condomínio de prédios. Estacionei o carro e desci ligando o alarme, fui até a entrada e toquei o interfone. -
-
Gil: Oi. - falou.
-
-
Ney: Sou eu. - falei e ele abriu a porta, entrei indo até o elevador e apertei. Gil abriu a porta e entrei dando de cara com Alfredo.- Mentira. - falei indo até ele.
-
-
Alfred: Quanto tempo em cara. - ele falou.

364 Neymar*
.
.
Amanhã seria a festa das meninas, Bruna, Rafa e minha mãe estavam sentadas no chão da sala arrumando lembrancinhas, apesar de eu ter insistido em deixar isso com a equipe que ia organizar, mas ela disse que queria participar disso. -
-
Ney: Cadê as meninas? - perguntei vendo a casa muito silenciosa. -
-
Nadine: Saiu com seu pai. - disse minha mãe. - Vem ajudar aqui. -
-
Ney: Desculpa, tenho um jogo para assistir agora. - falei fazendo uma cara de que realmente sentia muito. -
-
Bru: Aqui mesmo não. -  falou colocando algumas coisas em uma embalagem preta. -
-
Ney: Qual é? Gil daqui a pouco chega. - falei me jogando no sofá. - Não da para fazer isso em outro lugar? -
-
Bru: Se ajudar vamos terminar logo. - jogou verde e ri.
-
-
Peguei o celular e mandei mensagem para Gil perguntando se ele ja estava vindo para cá e respondeu que não, mandei uma foto de como estava a sala e falei que daqui a pouco chegaria na casa dele.
-
-
Ney: Eu adoraria ajudar, acabei de receber uma mensagem e preciso organizar umas coisas. - falei levantando. -
-
Bru: Vai assistir na casa do Gil? - perguntou e pisquei para ela. Mulher esperta.
-
-
Rafa: Espero que ja esteja com as fantasias Santos. - disse. - Fiquei muito zangada por não poder escolher as roupas delas.
-
-
Ney: Eu sou o pai, tenho mais direitos.

#tbt saudades 😢❤
#brumar

363
.
.
Ney: Os dois. - falou rindo. - Pensei em médicos também, mas você não ia querer. - Pensa comigo moreninha, todo mundo espera uma fantasia de princesa,  piratas são legais e elas vão ficar bonitinhas.
-
-
Bru: Piratas não é tão ruim. - falei sorriu. -
-
Ney: Então está decidido, vamos dormir. - falou dando de ombros. -
-
Bru: Sua mãe vai surtar quando souber. - falei juntando os papéis. -
-
Ney: Vamos manter segredo e deixa as fantasias comigo. - falou enquanto guardava os papéis na pasta de novo. -
-
Bru: Não acho uma boa ideia. - falei guardando a pasta e voltando para a cama. -
-
Ney: Relaxa gatinha. - falou sorrindo de lado. - Se perguntar, fala que estou cuidando disso e que você não sabe como vai ser, o que não é uma mentira. -
-
Bru: Neymar é fantasia de aniversário e não fantasia para sexo. - falei e ele riu. -
-
Nos deitamos e ficamos conversando sobre outras coisas até que dormimos.

362
.
.
Ney: Nem a pau que vou usar aquela roupa apertadinha. - falou voltando a se sentar. - Qual o tema que está no convite? -
-
Bru: Coloquei livre. - respondi.
-
-
Ney: E a decoração vai ser com tema? - perguntou.
-
-
Bru: Vai ser toda branca e preta, porque como vão ter várias fantasias coloridas ia apagar um pouco, por isso escolhi neutra. - falei mostrando outras fotos para ele. -
-
Ney: E porque temos que ir com fantasia de Príncipe e princesa? - perguntou me devolvendo. -
-
Bru: Porque quero a mesma fantasia para nos dois e para as meninas. - falei.
-
-
Ney: Nos dois vamos de polícia e elas de bandido com aquelas roupinhas listradas. - falou rindo. -
-
Bru: Neymar! Não vou fantasiar minhas filhas de bandido. - falei segurando o riso depois de imaginar a cena. -
-
Ney: Ia ficar legal, te ver em um vestido com distintivo da policia. - falou fazendo cara de safado.
-
-
Bru: É uma festa infantil seu safado. - falei dando um tapa nele. A imagem de Neymar vestido de policial veio na minha cabeça e balancei a cabeça para sair. -
-
Ney: De pirata então. - falou me fazendo rir.
-
-
Bru: Você está pensando nas meninas ou está pensando em roupas que me quer vestida? - perguntei encarando ele que deu um sorriso safado.

361
.
.
Bru: Consegui o salão e estou em dúvida com a decoração. - falei passando alguns papéis de decoração para ele. - O bufê ja escolhi e o bolo é maravilhoso. -
-
Ney: E o que eu tenho que fazer aqui? Já arrumou tudo. - perguntou me olhando confuso. -
-
Bru: A decoração. - falei apontando para os papéis em suas mãos. -
-
Ney: Eu não vou me fantasiar não. - falou vendo os papéis. -
-
Bru: Neymar. - falei. -
-
Ney: Nem vem, olha que coisa mais broxante. - falou e tentei não rir da cara dele. -
-
Bru: Você vai ficar tão bonitinho de rei. - falei rindo. -
-
Ney: Porque é festa a fantasia? - perguntou.
-
-
Bru: Porque elas escolheram. - falei dando de ombros. -
-
Ney: Eu vou de Neymar. - falou me devolvendo os papéis e voltando a se deitar. -
-
Bru: Amor. - falei apelando para o sentimentalismo.
-
-
Ney: Nem pensar. -
-
Bru: Então vai ser de bailarina. - falei.
-
-
Ney: Nem a pau que vou usar aquela roupa apertadinha.

360
.
.
Depois de jantar as meninas foram dormir porque amanhã teriam aula, Neymar foi colocar as duas para dormir e estava demorando muito, ia fazer duas horas que tinha ido para o quarto. Desliguei a televisão e subi para o quarto das meninas, quando entrei no quarto encontrei Neymar dormindo junto com as duas na cama, era uma cena tão fofa que fui até o quarto e peguei o celular tirando uma foto e postando em uma rede social. 
Fui até ele e chamei, depois de um tempinho acordou e olhou ao redor vendo que estava na cama de Julie. -
-
Ney: Não me diga que dormi aqui. - falou fazendo careta enquanto levantava.
-
-
Bru: Na verdade desmaiou, fiquei um tempão te chamando. - falei sorrindo. -
-
Deixamos o quarto indo para o dele, Neymar se jogou na cama assim que entrou no quarto, eu tinha certeza que ele estava cansado. -
-
Ney: Estou com sono. - falou com a cabeça entre as almofadas.
-
-
Bru: Nada disso, pode me ajudar com algumas coisas. - falei indo até minha bolsa e pegando uma pasta.
-
-
Ney: Amanhã. - falou e revirei os olhos.
-
-
Bru: Por favor amor, tenho que fechar isso amanhã. - falei me sentando na cama.
-
-
Ney: Que merda em. - falou e sorri logo desfazendo o sorriso. Ele se sentou com cara feia e escondi o riso.

Most Popular Instagram Hashtags