eupapai eupapai

1,824 posts   101,341 followers   54 followings

ᎬuᏢᎪᏢᎪᎥ | Beto Lima  Pai do João Pedro e da Helena. Família pelo ponto de vista paterno. ✒️ Colunista @revistacrescer 📨 falecom@eupapai.com

Junto e misturado.

😇

Mas por que deveria perder meu tempo assistindo a Copa do Mundo no meio de tanta coisa mais importante acontecendo Brasil afora?
.
Primeiro, porque não é perda de tempo. Ao lado do meu filho de 4 anos, dividimos pela primeira vez juntos a paixão por um esporte. Ele ainda entendendo as regras, a lógica... mas isso é o que menos conta.
.
Conta que, enquanto uns acham uma perda de tempo, eu aproveitei para mostrar que de dentro do campo podem surgir muitos exemplos que servem para a vida. E, você pode discordar, mas muito disso já fica como uma semente para estas crianças no futuro.
.
Tudo aquilo que eu tenho dificuldade de explicar no dia a dia está ali escancarado na televisão. O negro mais negro joga contra o branco mais branco. E na prática todos estão jogando o mesmo jogo. O negro ajuda o branco a se levantar. O branco abraça o negro após uma falta cometida. Nada além do... normal.
.
Um jogador vibra de alegria com um gol aos 48 do segundo tempo. E minutos depois chora pela eliminação do seu time. “Papai, mas ele estava feliz”. E a vida é assim. Cheia de altos e baixos, de frustrações. E o futebol ensina.
.
Um pai vibra na arquibancada ao ver seu filho, que seguiu seus passos e se tornou goleiro da seleção do seu país, defender um pênalti que levou a torcida à loucura. E depois viu este filho, mesmo que com grande sucesso, ser superado por outro atleta. Que foi melhor naquele momento. O esporte ensina.
.
Meu filho viu japoneses recolhendo o lixo das arquibancadas. Ouviu a torcida cantando o hino à capela. Viu milhares de pessoas reunidas se abraçando. Desconhecidos. Cheios das diferenças. Se abraçando.
.
Meu filho sabe qual é a bandeira do Brasil. E agora sabe que existe a Bélgica, Espanha, Uruguai, Senegal, França. Que estes lugares ficam longe e que falam diferente da gente. Mas a gente se entende. Dentro de campo, as regras são para todos.
.
Que o mais competente seja merecedor da vitória. E se não for, como não fomos, que saiba que tudo tem um recomeço e daqui a pouco haverá outra oportunidade para se fazer diferente. Assim como na vida.
.
__________________
Texto: @eupapai

As pessoas que te julgam, quando muito, sabem seu nome, estado civil, faixa etária e algo sobre sua profissão.
.
Elas não imaginam, porém, que na verdade somos uma pessoa diferente a cada dia depois que temos filhos.
.
E é exatamente aí que as críticas se tornam vazias e ao mesmo tempo tão doloridas. Qual versão de nós está na mira? Nem nós mesmos nos reconhecemos mais por muitas vezes...
.
Por isso é duro de aceitar. Por isso reagimos. Por isso estamos tão errados quanto em julgar também. Nem quem mais nos conhece é capaz de nos ler por inteiro a ponto de nos julgar.
.
Quem mais nos conhece, na verdade, releva. Sabe que, nem que seja por um minuto específico, a gente pode ter tido razão. Praquele minuto fazia sentido. No minuto seguinte já somos outros. E quando o julgamento chega, já é tarde demais.
.
Texto: @eupapai

GOL DO BRASIL! 🤔

A pessoa acha que vai me ganhar fácil com esse olharzinho mais ou menos....
.
🧡💛♥️💙💚💜💖😍

Te proponho um exercício. Permita-se olhar fixamente para você mesmo no espelho por alguns instantes. Ou melhor, invista 60 segundos olhando fixamente para você em uma foto na qual esteja com seus filhos.
.
Hoje me peguei nesta situação. Por mais de 1 minuto e por mais de uma vez. E foi um pouco perturbador me olhar “de fora”, como outra pessoa, ao mesmo tempo que aquilo me trazia lembranças íntimas de quem eu fui um dia. E que aquela pessoa, apesar de presente ali, já não existe mais.
.
Foi e ainda está sendo perturbador. Você se dá conta de quem você se tornou. “Caramba, olha pra mim! Abraçado a duas crianças. Eles são meus filhos”! Por alguns instantes sinta o peso disso. É forte, é tenso.
.
Perceber que este novo eu é uma realidade sem volta me ajudou a acalmar algumas ansiedades, algumas cobranças.
.
A gente se autoflagela muitas vezes por não nos enxergarmos. Por nos cobrarmos pelo que não somos. Principalmente pelo que não somos agora.
.
Por isso, de vez em quando olhe pra você de forma crítica, mas também com carinho suficiente pra compreender que você mudou. E que é normal mudar. Assim como, daqui a pouco, outras versões de você ainda vão aparecer.
.
Apenas as respeite.
.
__________________
Texto: @eupapai

Imagine-se em um trem desgovernado em alta velocidade e com uma curva perigosa à frente. Você acha que vai descarrilhar. Coloca a cabeça pra fora, metade do corpo. Se pendura. Olha prum lado, pro outro.
.
Fecha os olhos. Decide ficar. Vai lá no maquinista e resolve dar um apoio. Que seja moral apenas. Pegar na mão.
.
A curva chega. Milagrosamente o trem continua nos trilhos e, melhor, surge uma reta enorme e parece que tudo está sob controle de novo.
.
Pelo menos até a próxima curva perigosa.
.
Ter filhos é mais ou menos isso.

Pra quem viu os stories do final de semana e ficou curioso com a cabeleira nova (ou a falta dela)! 😱🤣

“Ei, você! Foca na família que o resto vem.”
____________________
Laço: @donarenda

E começa hoje! Gerar boas lembranças, #issomudaojogo! Vai Brasil!!! #MostraTuaForça!!! 🇧🇷

Marrentos. Sim ou Com Certeza?
_______________________________________
Cadeirinha alugada no @obaudobebe

Most Popular Instagram Hashtags